InícioRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Capítulo 1 - O Despertar

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte
AutorMensagem
Jogo de Cartas

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 01/02/2013
Aluno Avançado

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Qui Jan 26, 2017 10:54 am

O bando discutiu por um momento a decisão de descer pelo fosso. O draconato eo meio-orc foram na frente com ajuda de Amôn, se apoiando nas paredes. Zadrak sentiu seu pé pisar em falso, como se um degrau estivesse faltando numa escada. Uma rocha acabava de se soltar, e ele ia de encontro ao chão.

Não fora uma queda muito alta, mas para alguém com 150 kg, apoiar todo esse peso numa perna enquanto caia, provocou uma dor intensa no joelho. Maldição! pensou Zadrak enquanto se levantava absorvendo a dor e recuperando o folego. Ou seria melhor prender a respiração? Um cheiro azedo, pestilento de decomposição, pairava sobre o local.

Se levantou para observar, de alguma forma conseguia ver tudo claramente, graças a Camir. Isso lhe pareceu incomodo, era como ver através dos olhos do meio-orc, mesmo ainda sendo os seus.

"Esse lugar fede mais que tripas de Orc...talvez seja porque aja tripas de orc por aqui e muito mais..." Pensou observando os corpos...que pareciam arrastados por algo...

Um corpo jogado do fosso quase atingia Farai, Zadrak grunhiu até se acostumar com a ideia, e arrastou ele para longe do buraco. Seja como for, esse lugar parece ter uma saída.

--Camir, me ajude, combinando nossas forças, podemos ajuda-los a descer pelo fosso.

Zadrak ira aguardar a resposta de Camir, ainda atento para o quer que esteja esperando eles.

________________________________________________________________________
Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Atieno

avatar

Mensagens : 1072
Data de inscrição : 15/01/2013
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Qui Jan 26, 2017 1:49 pm

Tirando a camiseta e a amarrando na frente do focinho, o kemono se aproxima do fosso, analisando-o novamente. Dois membros do grupo desceram, e Jasper sentiu, pela ligação mental, que era possível descer, embora tenha notado um certo temor vindo de quem já havia descido.

Olhou para Evan, que novamente parecia ter medo de algo, e grunhiu, voltando a olhar para o humano — tentando ser mais amigável do que a vez anterior.

— Sim, vamos descer. A saída pode não ser por aqui, mas não saberemos se não tentarmos, não é mesmo? — diz, observando melhor o fosso.

Esperou todos descerem, até que olhou para Amôn, notando seus ferimentos novamente.

— Amôn, eu vou descer primeiro, e você desce depois de mim, ok? Assim consigo ajudar também

Dito isso, Jasper se aproxima do fosso, garantindo que sua camisa está bem amarrada no focinho, e começa a descer, usando as mãos, patas e garras em conjunto, escorando-se entre as paredes.

________________________________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://heroisbrasileiros.forumeiros.com/
Ironia

avatar

Mensagens : 400
Data de inscrição : 06/06/2012
Aluno Intermediário

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Qui Jan 26, 2017 2:34 pm

Os corpos. Eles foram arrastados. Corpos não se arrastam sozinhos, a não ser que estejam vivos. Vejo um corpo caindo no fosso, mas é apenas um orc. Ele deve ter morrido com a ceda agora e quase matou o magrelo. Precisamos pensar mais no que fazemos. Zadrak ta arrastando o magrelo pra longe do fosso. Melhor. Assim outro orc não possa atingir ele com o peso da queda.

- Camir, me ajude, combinando nossas forças, podemos ajuda-los a descer pelo fosso. - Disse ele.

- Tudo bem, mas fique atento. Os corpos foram arrastados pra todo lado. Pode ter algo vivo aqui embaixo. - É sempre vantajoso alertar seus aliados... acho que eu me esqueci de uma coisa import... Lembrei! - Vou aceitar sua proposta de troca depois que todos descerem, Zadrak.

________________________________________________________________________
Camir - Meio-Orc
#666666

Características Raciais: Meio-orc:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Administrador

avatar

Mensagens : 1604
Data de inscrição : 10/05/2009
Aluno Avançado

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Qui Jan 26, 2017 4:27 pm

Zadrak e Camir trocam suas armas enquanto aguardam os demais descerem o fosso. Primeiro Evan desce.

Teste de Habilidade:
Evan H1 +3(fácil).
Resultado: 1. Sucesso.


Que desce sem nenhuma dificuldade aguardando Laeriene.

Teste de Habilidade:
Laeriene H0 +3(fácil).
Resultado: 3. Sucesso.


Por levar uma tocha consigo ela tem mais dificuldade, mas também consegue descer sem problemas ajudada pelos colegas.

Jasper retira os trapos que lhe serviam como camisa e nota em seu peito a tatuagem comum a todos, como se fosse marcada em ferro, nenhum pêlo nasce onde cobre o desenho do dragão.

Teste de Habilidade:
Jasper H1 +3(fácil).
Resultado: 4. Sucesso.


E também consegue descer para a sala inferior. Agora com a iluminação da tocha que Laeriene trás consigo é possível ver melhor o local.

As pilhas de corpos estão espalhadas pelos cantos, alguns sem membros e outras partes. As lacerações nos corpos em decomposição indicam que foram arranhados ou mordidos. O odor causa náuseas em Jasper e Laeriene, devido aos seus sentidos aguçados.

O Kemono pode ouvir alguns sons vindo do corredor, algo que os demais só percebem após Jasper ouvir. Se concentrando ele consegue identificar o que seria algo muito próximo à cachorros comendo algo.

Vocês tem até 27/01 às 16:00 para a postagem.

________________________________________________________________________




"Isso é apenas uma máscara. Um símbolo. Quem está por trás dela é que realmente importa."

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://fabricadeherois.forumeiros.com
Atieno

avatar

Mensagens : 1072
Data de inscrição : 15/01/2013
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Qui Jan 26, 2017 5:56 pm

Aquela queimadura no peito fez Jasper arregalar os olhos. Assim como alguns dos outros, possuía o sinal também. Pensava um pouco sobre isso enquanto terminava de descer o fosso.

— A marca está em meu peito... — diz Jasper, sendo interrompido pelo forte cheiro.

O odor putrefato dos corpos nauseou quase imediatamente Jasper, que se apoiou na parede tentando puxar o ar. Olhou para o chão, quase vomitando, e encostou a mão nele, para se apoiar e não cair. Entretanto, ao fazê-lo, ouviu algo vindo de longe.

— Silêncio, por favor. Preciso me concentrar... — sussurrou, fechando os olhos.

Ignorando os cheiros, prestou atenção no barulho, parecendo de cachorros que estavam comendo. Arregalou os olhos, se levantando rapidamente.

— Precisamos de iluminação por ali — aponta na direção do barulho. — Tem algum bicho comendo ali... e não me parece ser boa coisa.

Com cautela, Jasper acompanhará o grupo, mantendo-se atento aos sons, já que os cheiros estão insuportáveis. Antes de ir, viu o bastão caído, e o pegou. Afinal, Farai não o usaria agora mesmo, por estar desmaiado... E, por sorte, a saída poderia significar a liberdade. Mas talvez seja necessário um novo combate. E é bom estar armado.

________________________________________________________________________


Última edição por Jasper em Qui Jan 26, 2017 9:26 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://heroisbrasileiros.forumeiros.com/
Laeriene LaCroix

avatar

Mensagens : 87
Data de inscrição : 13/06/2012
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Qui Jan 26, 2017 8:47 pm

Enfim o grupo se reúne no interior do fosso e Laeriene sofre muito devido as vantagens de sua raça. O cheiro pútrido a fariam vomitar se ela tivesse algo no estomago. Na verdade ela nem faz ideia de quando comeu pela ultima vez.

Quando percebe o Tigre descendo também, ela nota que ao tirar a camisa ele também tem a tatuagem no peito. Isso esta cada vez mais estranho – pensa a abissal quando o Kemono fala:

Precisamos de iluminação por ali — aponta na direção do barulho. — Tem algum bicho comendo ali... E não me parece ser boa coisa.

Rapidamente ela corre com a iluminação para o local indicado tentando estar atenta para não ser atacada.

Pessoal cuidado. — diz ela para que todos estejam atento ao novo perigo que se aproxima.

________________________________________________________________________


Ficha FHVerso:
 

Ficha Laeriene:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mestre

avatar

Mensagens : 740
Data de inscrição : 08/06/2012
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Qui Jan 26, 2017 11:57 pm

Evan chega literalmente ao fundo do poço. Apesar de não ter sentidos aguçados como alguns de seus companheiros, era terrível aquele fedor todo! Maior surpresa foi de estar vendo bem, apesar da escuridão. Ele sabia entender Orc, agora podia... "ver orc"? Era confuso demais, por isso logo desiste da ideia. Ele vê que alguns de seus companheiros começam a descer. A primeira é Laeriene.
 
Uhh... Não tenha pressa não... Desça devagar... – fala para sí mesmo, enquanto não tira os olhos das nadegas da meia abissal enquanto ela desce.
 
Assim que Jasper desce, o kemono retira a camisa para poder tapar o fedor em suas narinas, daí Evan vê o símbolo do dragão. Parecia que todos tinham essa marca, cada um em lugares diferentes do corpo. 


Essa deve ter doído, peludão... - fala também para sí mesmo.


Ele observa ao seu redor, os corpos movidos, partes parecendo ter sido devoradas. Com certeza, isso não era bom. Nada bom.
 
Eu to dizendo, isso aqui tá cheirando a merda... Nos dois sentidos! Alguém ai topa voltar? Não? Ok, só to dizendo...
 
Jasper parece ter percebido alguma coisa. Antes que pudesse indagar, ele mesmo percebe algo estranho, um barulho.
 
Precisamos de iluminação por ali – Diz Jasper – Tem algum bicho comendo ali... e não me parece ser boa coisa.


Laeriene se prontifica para iluminar o local e diz para todos terem cuidado. Evan já estava se preparando para o pior. Procura entre os cadáveres se tem algum osso que possa quebrar e usar de arma.


É isso ai, galera... Agora é a hora em que eu vou dizer “eu disse”. Foi um prazer passar essa meia hora juntos...  


Apesar de ter medo, Evan decide encarar. Por algum motivo, ele confiava naquele grupo. Isso o motivava a fazer o que normalmente não seria sua índole... Ou seria? Maldita falta de memória...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://jogoseafins.forumeiros.com/
Farai

avatar

Mensagens : 64
Data de inscrição : 11/08/2015
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sex Jan 27, 2017 10:09 am

Assim que os sons penetram a audição de Jasper, Farai acorda assustado e zonzo por causa da queda, olhando para os lados como se seus próprios ouvidos recebessem auto e claro o som. Ainda com as vistas embaçadas ele olha na direção da tocha que se movimentava nas mãos de Laeriene.

Aos poucos ele se torna consciente do combate anterior, das possíveis marcas que todos devem ter e do novo combate que está prestes a iniciar.

Levantasse e caminha até o grupo para ver o que está a frente deles. Emm quanto caminha ele tenta lembrar oque tinha visto em seu pesadelo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Amôn

avatar

Mensagens : 178
Data de inscrição : 15/10/2012
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sex Jan 27, 2017 1:24 pm

Amôn estava esperando que todos descessem para então ele mesmo faze-lo, mas quando só faltavam ele e Mikka, o percebeu que os outros poderiam estar em perigo lá embaixo, então o humano se apressou em descer, cuidando para não cair e ter um fim constrangedor naquele poço da morte.

- Vamos Mikka, não podemos ficar para trás, eles precisam de nós

________________________________________________________________________
Fala: #006600

Amôn - Humano - Careca - Barbudo - Bodybuilder
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Jogo de Cartas

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 01/02/2013
Aluno Avançado

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sex Jan 27, 2017 1:35 pm

Era uma espada pesada e primitiva, mas iria servir para matar alguns Orcs, ou seja lá o que for que esteja aguardando o grupo de efêmeros prisioneiros.

Após ajudar boa parte deles a descer com auxilio de Camir, ouviu o alerta de Jasper.
— Tem algum bicho comendo ali... e não me parece ser boa coisa.

"É, acho que dá para notar pelos corpos dilacerados"

Pensou Zadrak enquanto se preparava sentindo o peso de sua nova arma, e se posicionando próximo a Laeriene, preferia enxergar pela iluminação da tocha do que através dos sentidos aguçados de terceiros.

________________________________________________________________________
Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ironia

avatar

Mensagens : 400
Data de inscrição : 06/06/2012
Aluno Intermediário

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sex Jan 27, 2017 1:42 pm

Ainda faltam o Amom e a elfa pra descer. A elfa será fácil, mas vou me esforçar pra segurar o grandalhão. E os outros querem se aventurar sem que todo o grupo esteja reunido. Números fazem toda a diferença.

- Tomem cuidado! Não quero ter que carregar ninguém nas costas quando desmaiarem ou morrerem! - Era só o que me faltava. - E vocês vão precisar de mim ainda!

________________________________________________________________________
Camir - Meio-Orc
#666666

Características Raciais: Meio-orc:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mikka

avatar

Mensagens : 502
Data de inscrição : 07/07/2013
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sex Jan 27, 2017 4:00 pm

Mikka fica para trás com Amon e se apressa para alcançá-lo, com a ajuda de seu colega ela desceria o fosso e usaria sua visão aguçada preparada a qualquer perigo.

________________________________________________________________________

MIKKA
NÍVEL 3
Half-elf
Esmagadora de Orcs | Atiradora de Elite | Musa dos Anões



xxx:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Administrador

avatar

Mensagens : 1604
Data de inscrição : 10/05/2009
Aluno Avançado

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sex Jan 27, 2017 10:15 pm

Amon e Mikka resolvem descer o fosso e acompanhar seus colegas.

Teste de Habilidade:
Mikka H1 +3(fácil).
Resultado: 5. Falha.


Ela escorrega e cai. Camir estava logo abaixo e tenta segurá-la.

Teste de Força:
Camir H2 +1(Normal).
Resultado: 2. Sucesso.


O meio-orc segura Mikka em seus braços e alarga logo em seguida sem nenhum ferimento. Por último, Amôn desce ao fosso.

Teste de Habilidade:
Evan H0 +3(fácil).
Resultado: 2. Sucesso.


Mesmo ferido, Amôn desce sem mais dificuldades o fosso. Neste momento Jasper recolhe para si o bastão que Farai utilizava. O mesmo consegue recuperar a consciência, mas ainda não consegue se mover devido aos ferimentos da queda.

Amôn e Evan, meio a contragosto, o carregam nos ombros, um de cada lado enquanto o restante do grupo avança pelo corredor tentando visualizar o que vem a seguir.

Os sons logo ficam claros a todos a medida que avançam pelo corredor e aos poucos a iluminação da tocha revela a cena. Três cachorros estão devorando o que parece ser um tronco de algum humanóide, pela quantidade de sangue dificil dizer de que raça seria.

Um dos cachorros percebe a presença de vocês com as orelhas, volta a cabeça para vocês e logo volta a comer. Eles são cachorros normais, surrados e sem-raça, provavelmente vira-latas, de tamanho mediano, mas notavelmente, bem alimentados.

A pequena sala onde se encontram é de tamanho próximo a cela de onde o grupo acordou e também possui, correntes e uma porta gradeada como saída. Os cachorros possuem um tipo de arreio feito em couro com uma argola metálica nas costas.

Pelo perfil da raça e pelo comportamento não agressivo não devem ser cães de caça, apenas farejadores.

O grupo dá a volta da sala do lado oposto de onde os cachorros comem, eles não aparentam nenhum perigo ao grupo, apenas um rosnado para Evan quando ele se aproxima demais da refeição.

Jasper, utiliza as chaves do carcereiro na porta trancada e uma delas abre a fechadura com sucesso, dando acesso a parte de fora do local.

O pequeno canil dá acesso à uma grande caverna, de onde podem ser vistas tochas penduradas as paredes do local. Ao centro, um enorme vão, de onde é impossível ver o fim do abismo. A brisa vem das partes superiores de onde é possível ver trabalhadores escavando as paredes, e empurrando vagonetas. Nos andares inferiores eles também estão lá enchendo os carrinhos com carvão.

Escavações as paredes da caverna se misturam com pontes construídas ligando uma parte a outra do local. Alguns funcionam como escadas para os andares superiores e inferiores. Do local onde o grupo se encontram existem 3 possibilidades: descer por um caminho escavado na parede que leva ao andar inferior, subir por uma escada de madeira ou pegar uma das pontes que levam ao outro lado da caverna.


Vocês tem até 28/01 às 18:00 para a postagem.

________________________________________________________________________




"Isso é apenas uma máscara. Um símbolo. Quem está por trás dela é que realmente importa."

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://fabricadeherois.forumeiros.com
Mestre

avatar

Mensagens : 740
Data de inscrição : 08/06/2012
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sex Jan 27, 2017 11:53 pm

Durante todo o percurso, Evan demonstra sua indignação de estar carregado Farai.

Cara, que nojo! To quase jogando ele pros cachorros! Vocês tem certeza de que esse aqui tá vivo? Pelo cheiro, parece que morreu faz... sei lá, duas semanas!

Apesar de tudo, ficou feliz de não ter nenhuma criatura assustadora para lutar, mas apenas alguns cães gordos. Um deles rosna para Evan, quando chega perto demais da comida.

Sai, filho do cão! Vai rosnar pra cachorra da sua mãe! Pessoal, sério! Esse cara aqui fede mais que pum de troglodita! Vão me deixar carregar mesmo? Ah, vai ser assim? Qualé!

Depois de um tempo não tão longo, eles chegam a caverna, onde há um grande abismo e pessoas trabalhando acima. Escavadores. Evan assobia. Não imaginava que havia algo tão grande por lá. Aquela altura do campeonato, ele não sabia mesmo o que fazer. Calculou que, se subissem, teriam os escavadores para encarar, e não sabia se isso seria uma boa ideia. Se descessem, era provável não ter mais saída. Continuar seria a opção mais adequada, mas parecia não levar a lugar algum. Ele deixa Farai no chão um pouco, estala os dedos e fala aos outros.

Eu sugiro jogar o nosso amigo aqui nesse abismo para saber a profundidade... Não, peraí! Pensei alto! Acho que a saída sempre vai ser ir pra cima, mas não acho que esses escavadores vão gostar da nossa presença. Vocês confiam? Não dá pra ver direito se são escravos ou mais Orcs. Acham que eles vão nos ver e deixar pra lá? E pior, quanto mais gente reunida, mais Orcs fedorentos nos esperam. Eu sugiro passar pela ponte. 

Quão surpreso ele fica quando Amôn tem uma reação mais agressiva com ele. Mas uma vez, ele para um pouco. E simplesmente escuta o que os outros falam... De novo. Laeriene fala para se apresentarem. De início, ele pensa em dar uma resposta mal educada, mas apenas diz:

Sou Evan Alran. Feliz agora? Vamos ser amiguchos...


Última edição por Evan em Sab Jan 28, 2017 6:43 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://jogoseafins.forumeiros.com/
Atieno

avatar

Mensagens : 1072
Data de inscrição : 15/01/2013
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sab Jan 28, 2017 11:36 am

A passagem pelo fosso parecia ser tensa, mas foi muito tranquila. Sem maiores problemas — à exceção do humano tagarela provocando os cães e reclamando a cada passo —, todos aproximaram-se de um novo ambiente, depois que Jasper abriu uma nova grade.

A nova área, com as pontes, é um potencial ambiente de risco. O kemono sente a brisa vir de cima mas, ao olhar pra cima, não consegue precisar qualquer distância. Se aproximando um pouco mais do beiral, apoiando-se no bastão, analisou a parte de baixo. Tanto em cima quanto em baixo, Jasper viu apenas trabalhadores escavando. Sem sombra de dúvidas, o melhor caminho era a ponte.

— Creio que devemos atravessar as pontes. É o mais seguro. Vamos nos dividir e, Evan... pare de reclamar um pouco, por favor. — diz Jasper, dando uma rápida olhada nas pontes e voltando seu foco ao grupo. — Amôn, você e Evanlevem Farai pela ponte da esquerda. Zadrak, vai com eles por ali, por favor. Os outros, venham comigo pela ponte da direita. Vamos evitar que elas se arrebentem por excesso de peso. Concordam?

Após apontar direções, Jasper se dirige à ponte da direita, atravessando-a com cuidado, temendo que esta arrebente.

________________________________________________________________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://heroisbrasileiros.forumeiros.com/
Ironia

avatar

Mensagens : 400
Data de inscrição : 06/06/2012
Aluno Intermediário

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sab Jan 28, 2017 12:51 pm

A julgar pela situação das pontes e de eles mesmos, é o melhor plano até o momento. Camir lembra tambem de como a Mikka é leve quando ele a segurou para não se ferir na queda do fosso.

Camir pensa um pouco: Amon, o magrelo, Evan e Zadrak vão para a esquerda. Jasper, a elfa, a abissal e ele vão para a direita. Julgando o outro lado, iremos nos encontrar do outro lado. Ele concorda com o plano, mas logo ele acrescenta:

- Vamos de dois em dois então. Elfa, vai com ele. - Disse o meio-orc. - Vou depois de vocês com a abissal. - Disse, sem saber o nome dela, já que até o momento ela não disse, mas está na ponta da língua e ele ainda não sabe o porquê. Logo em seguida, por coincidência, ela se apresenta e pra não deixá-la sem resposta, Ele se apresenta: - Camir, prazer. Agora, vamos.

________________________________________________________________________
Camir - Meio-Orc
#666666

Características Raciais: Meio-orc:
 



Última edição por Camir em Sab Jan 28, 2017 4:13 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Amôn

avatar

Mensagens : 178
Data de inscrição : 15/10/2012
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sab Jan 28, 2017 1:00 pm

O grupo já começava a se deslocar quando Amôn termina de descer o poço, ele olha para Farai ao chão, já acordado, mas sujo e imóvel, o humano barbudo sabia que não conseguiria deixa-lo ali, então suspira e começa a erguer o negro, mas devido aos machucados, percebe que não conseguiria carrega-lo sozinho, é quando o careca ouve Evan reclamando e diz:

- Evan, cale a boca e me ajude aqui, assim você pode começar a ser útil.


Durante todo o trajeto, Amôn suportou quieto as reclamações incessantes do tagarela, ao mesmo tempo que carreava Farai se esforçando para não encostar na sujeira, não queria infeccionar os cortes em seu corpo, mas não sabia se era possível mante-los limpos num ambiente daquele. Quando todos saíram do canil e Evan largou Farai e volta a reclamar, foi a gota d'agua para Amôn, ele também não estava feliz com nada daquilo, ninguém estava, e ter que ouvir aquilo era revoltante, então o barbudo deita o ferido, bate no chão e avança furioso contra o falador, pegando em seu colarinho, pressionando-o contra a queda e fulminando ameaçadoramente em seus olhos, tendo de olhar para baixo para faze-lo.

- Escuta aqui, eu venho tentando ser paciente com você, mas a sua participação até agora tem se resumido à um barulho irritante nos nossos ouvidos! Ou você começa a ser útil ou, eu juro por tudo que existe que vou testar a profundidade desse buraco com você -
Aquela reação não era do feitio do alto, pelo menos não contra aqueles que estavam do seu lado, até ele mesmo se surpreende com aquilo, então solta o humano e diz, meio sem jeito: - Espero que tenha me feito claro... - Dando as costas para o outro.

Jasper então volta a focar na fuga:

— Creio que devemos atravessar as pontes. É o mais seguro. Vamos nos dividir e, Evan... pare de reclamar um pouco, por favor. Amôn, você e Evan levem Farai pela ponte da esquerda. Zadrak, vai com eles por ali, por favor. Os outros, venham comigo pela ponte da direita. Vamos evitar que elas se arrebentem por excesso de peso. Concordam?

Amôn se limitou a assentir com a cabeça e sorrir, tentando passar confiança para o kemono, gostava da ideia de todos estarem trabalhando juntos com um só objetivo, o homenzarrão então voltou a erguer Farai, esperaria que Evan fizesse o mesmo e seguiria com o plano de Jasper, atravessar a ponte da esquerda, segurando firme nos dois companheiros, não ia deixa-los cair.

________________________________________________________________________
Fala: #006600

Amôn - Humano - Careca - Barbudo - Bodybuilder
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mikka

avatar

Mensagens : 502
Data de inscrição : 07/07/2013
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sab Jan 28, 2017 1:06 pm

Mikka enxerga as duas escadas, curiosa, para onde levariam? Quanto tempo até tudo isso acabar? Quem eram aquelas pessoas? Algo muito estranho estava acontecendo ali e ela ansiava em ter respostas. Era incrível como as mentes pareciam estar todas conectadas, Mikka gostava disso, mas tentava proteger ao máximo seus pensamentos e intimidade. "Eu só quero sair dessa espelunca logo e...". E? Ela nem mesmo se lembra quantos anos tinha, ou no mínimo algum familiar, aqueles em sua frente pareciam ser os únicos de sua família. Ela deixa cair uma lágrima. - Vamos logo com isso, florzinhas. Um de cada vez. - esperaria até sua vez para atravessar a escada da direita logo após de Jasper.

________________________________________________________________________

MIKKA
NÍVEL 3
Half-elf
Esmagadora de Orcs | Atiradora de Elite | Musa dos Anões



xxx:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Jogo de Cartas

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 01/02/2013
Aluno Avançado

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sab Jan 28, 2017 1:31 pm

O grupo agora se reunia novamente e seguia pelo calabouço. O draconato esperava encontrar mais inimigos pela frente, aguardando para serem massacrados. Mas apenas três cães carniceiros estavam lá, dividindo a carne de um pobre coitado.

Se perguntou se essa prisão não era o purgatório, e se estava pagando os pecados de uma vida passada, rindo da própria ideia. Mesmo assim sentiu um leve frio na barriga ao olhar para o abismo atrás da porta aberta por Jasper. Zadrak se aproximou da beirada, fitando a escuridão. Era como se o abismo estivesse o encarando de volta.

Atrás o resto do grupo discutia, ou talvez fosse apenas Evan falando por uma multidão. Até quando ele estaria atado a esses estranhos? Não poderia se separar deles sem obter as respostas que precisava. Cansou-se de olhar para o abismo angustiante e viu aqueles trabalhadores, minerando as paredes da caverna. Prisioneiros, escravos, cães carniceiros, aquele lugar realmente estava próximo do inferno.

Ouviu as ordens de Jasper, sentindo um leve desprezo pelo felino. Havia outros caminhos, mas pouco tempo para discussão. Seguiu para a ponte da esquerda, sem esperar Amôn e os pesos mortos.

________________________________________________________________________
Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Laeriene LaCroix

avatar

Mensagens : 87
Data de inscrição : 13/06/2012
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sab Jan 28, 2017 3:42 pm

Laeriene notou que finalmente estávamos todos reunidos e com certeza eram apenas esses oito que faziam parte desse elo mental do qual ela estava incluída. Pelo menos era o que ela sentia.

Atravessamos com a ajuda da iluminação da tocha um caminho onde cães devoravam um dos mortos e parecera não ligar pra gente. Enquanto caminhava ela olhava para o rosto de cada um tentando lembrar-se de alguma coisa. Mas nada vinha a tona. Chegando a beira de um caminho onde a divisão do grupo era iminente a meio abissal levantou a tocha e chamou a atenção para si mesma.

- Oi... É impressão minha ou ninguém sabe de nada do que esta acontecendo aqui? Eu sei que temos pressa de sair daqui, mas calma aí. Temos um link empático ligando todos nós e já estamos na eminencia de nos separar e vamos seguir sem nem ao menos nos apresentar? Notaram que temos uma tatuagem em comum? Se isso é normal e acontece todo dia com vocês, essa é minha primeira vez. Sei que não temos como contar nossa vida, porque se estamos na mesma situação, vocês não se lembram de nada, mas digam ao menos seus nomes para possíveis lápides. Chamo-me Laeriene. Sou uma meio abissal e fico feliz e agradecida por terem me salvado.

E sem mais nada dizer, aguarda a resposta dos demais antes de seguir na ponte que indicaram pra ela seguir.

________________________________________________________________________


Ficha FHVerso:
 

Ficha Laeriene:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Farai

avatar

Mensagens : 64
Data de inscrição : 11/08/2015
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sab Jan 28, 2017 5:46 pm

Reconhecendo que parecia ser um fardo para o grupo, Farai agradece a ajuda e se desculpa com Evan e Amon que o carregavam.

Ele tenta mais uma vez por se de pé caminhar sozinho seguindo o plano do grupo.

________________________________________________________________________
Farai
#8B5A00

Código:
[b][color=#8B5A00]Fala Farai[/color][/b]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Administrador

avatar

Mensagens : 1604
Data de inscrição : 10/05/2009
Aluno Avançado

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sab Jan 28, 2017 7:36 pm

O grupo dividido avança lentamente até o outro lado do abismo. As pontes velhas rangem enquanto passam, mas cumprem sua função.

Do outro lado do abismo o grupo encontra duas passagens próximas às saídas das pontes e, assim como os demais locais da mina, apenas tochas iluminam o caminho. O da direita tem, logo na entrada, uma vagoneta sobre trilhos, dentro dela uma picareta. Os trilhos seguem pelo corredor adentro.

A outra passagem não possui trilhos, apenas mais um corredor de destino incerto. O grupo para para um descanso e para decidir o melhor caminho a seguir.

OFF: Amon, Zadrak e Farai recuperam 1 PV cada.

Amôn e Evan deixam Farai que agora consegue se manter de pé sozinho, mas ainda muito ferido devido a queda. Amôn nota a tatuagem nas costas de Farai, Evan e os demais também.

Lariene chama a atenção de todos sobre o assunto da marca. Após a fala de Laeriene, todos procuram suas marcas. Evan olha novamente a marca em sua mão direita. Amôn passa a mão na nuca e consegue sentí-la pelo tato, já que ela possui um relevo como se fosse feita em brasa. Jasper confere a que possui em seu peito do lado esquerdo.

Camir encontra a sua no lado direito do peito e Zadrak no centro, acima do coração. Mikka leva um pouco mais de tempo e encontra a sua acima do ventre, ela logo a cobre notando que Evan a fitava atentamente.

Todos possuíam a marca em lugares diferentes, de tamanhos diferentes.

Vocês tem até 29/01 às 17:00 para a postagem.

________________________________________________________________________




"Isso é apenas uma máscara. Um símbolo. Quem está por trás dela é que realmente importa."

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://fabricadeherois.forumeiros.com
Mikka

avatar

Mensagens : 502
Data de inscrição : 07/07/2013
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sab Jan 28, 2017 8:13 pm

Todos tinham uma marca, com as mãos pousadas em seu ventre ela sente o relevo em sua pele, quando percebe Evan lhe fitando ela cora por alguns instantes. - Tá bom pessoal, vamos pensar juntos. - ela respira fundo com seu senso de liderança apoiando as duas mãos na cintura e ajeitando sua postura. - Acho que eu não me apresentei a vocês, essa correria acabou com a minha educação, meu nome é Mikka. - ela olha para todos olhando pelas marcas descobertas.

- Por algum motivo fomos reunidos, Laeriene chegou mais tarde e é uma de nós também. Agora... Vamos nos dividir? Podemos aproveitar esse elo mental. - ela olha em direção a Farai, apontando com o nariz. - Farai vai por cima, está um pouco ferido é melhor não se arriscar tanto, eu topo descer e ver onde este trilho vai dar. - ela vai até a vagoneta e apanha a picareta. - Eu lidero a frente agora, quero Zadrak comigo. - ela começa a ferir as paredes da rocha para conseguir algumas pedras e levar consigo. Confiante, ela sorri entrando no vagão esperando que o último a subir empurrasse.

________________________________________________________________________

MIKKA
NÍVEL 3
Half-elf
Esmagadora de Orcs | Atiradora de Elite | Musa dos Anões



xxx:
 


Última edição por Mikka em Sab Jan 28, 2017 8:40 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Atieno

avatar

Mensagens : 1072
Data de inscrição : 15/01/2013
Aluno Iniciante

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sab Jan 28, 2017 8:33 pm

Jasper passa novamente a mão sobre sua marca. Era uma verdadeira cicatriz, mas não doía. Apenas deixava o peito do kemono sem parte dos pelos, que certamente já teriam coberto tal marca.

— Apenas reforçando, sou Jasper — diz o kemono, respondendo à questão de Laeriene.

Olhando novamente para os caminhos, ele acena com a cabeça para a fala de Mikka.

— Sim, temos que nos separar. — diz Jasper, olhando para o grupo. — Podemos manter os mesmos grupos que foram feitos para atravessar as pontes, mas sugiro que Camir vá junto de Farai e Amôn, pois eles estão muito feridos ainda. Eu estou disposto a ir pelos trilhos e ver aonde isso vai dar.

Logo, o kemono se aproxima da vagoneta, e espera os outros embarcarem, para empurrá-la e saltar dentro dela.

________________________________________________________________________


Última edição por Jasper em Sab Jan 28, 2017 10:28 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://heroisbrasileiros.forumeiros.com/
Jogo de Cartas

avatar

Mensagens : 520
Data de inscrição : 01/02/2013
Aluno Avançado

MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   Sab Jan 28, 2017 9:10 pm

Uma parada para recuperar o folego e absorver o que estava acontecendo veio a calhar para o severo draconato. Como suspeitava também possuía uma marca, gravada em fogo em seu peito. Um dragão como a dos outros, o que poderia significar? Seria apenas uma marcação, para aqueles que possuem esse elo mental, para que outros saibam com quem estão lidando? Poderia significar muito mais que isso. Os Orcs não demonstraram nenhum tratamento especial, muito menos atentaram para o perigo que representávamos.

-Meu nome é Zadrak, também não me lembro de nada, assim como todos aqui acredito eu. Tudo que eu quero são respostas, e pretendo ir longe para consegui-las.

Disse o draconato, respondendo Laeriene. Notou que ela também estava tão confusa quanto ele, talvez ambos pudessem conseguir respostas juntos. Havia dois caminhos para seguir dessa vez. Zadrak concordou com a ideia de se dividir, ainda indeciso com qual deles.

- Eu lidero a frente agora, quero Zadrak comigo.

Zadrak grunhiu a contra-gosto, entretanto a mirradinha pareceu confiante e logo cedeu descruzando os braços e seguindo até o tunel da vagoneta.

-Não vou entrar nisso, se quiserem podem ir na frente.

________________________________________________________________________
Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Capítulo 1 - O Despertar   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Capítulo 1 - O Despertar
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 4 de 8Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Dádiva de Amor || Capítulo 29
» Dádiva de Amor || Capítulo 55
» Dádiva de Amor || Capítulo 34
» Razão de Viver || Capítulo (3)
» Dádiva de Amor || Capítulo 38

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
fabricadeherois :: RPG - A Marca :: Roleplay-
Ir para: