InícioRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 [MORTO] Aquiles

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Inquisidor

avatar

Mensagens : 582
Data de inscrição : 23/06/2012
Aluno Avançado

MensagemAssunto: [MORTO] Aquiles   Sab Abr 20, 2013 6:00 pm

Nome: Lars Faar

Raça: Æesir

Linhagem: ( ) Nobre (x) Homem-Livre

Idade: 35 invernos

Característica de Combate: Guerreiro Agressivo

Característica Social/Mental: Conhece sobre quase todas as histórias e lendas de Winterhein

Característica Negativa: Impaciente e impulsivo

Equipamento Básico: Reaper Bor (Ceifadora de Vidas, espada de lâmina larga), Liten Morder (Pequena Assassina, pequeno punhal feito comprado ainda em Landsby Fra, no mesmo ferreiro que forjou Reaper Bor) e vestimentas(armadura acolchoada, calça de algodão, capa de pele para o frio, botas, braceletes e luvas de couro).

História:
No reino de Winterhein existe uma pequena vila chamada de Landsby Fra, a vila é pequena, poucas pessoas moram nela, os poucos moradores do vilarejo, se esforçam para terem uma vida tranquila, vivendo apenas com as moedas que os vários viajantes que passam por Landsby Fra deixam em suas tavernas, ferreiros e bordeis.

A pequena vila tem poucos lugares onde as pessoas podem gastar dinheiro, um desses poucos lugares são, a Taverna de Ragnvaldr e o Bordel de Hulda, a meretriz. No Bordel de Hulda, trabalha e vive Sonja, uma das prostitutas mais “requisitadas. Depois de centenas de ciclos da lua trabalhando para Hulda, Sonja engravida. No começo foi visto como uma ameaça a sua profissão, mas depois de ver o fetiche que muitos homens tinham, de se relacionar com mulheres grávidas, ganhou ainda mais fama entre os viajantes, e teve ainda mais trabalho nos seus últimos 5 meses de gravidez.

O garoto nasce e a mãe o nomeia de Lars, como a mulher não tinha um sobrenome, por ter sido abandonada na porta do Bordel de Hulda, ainda antes dela se tornar dona do Bordel, chamou seu filho de Lars Faas, esperando que um dia fosse alguém que fizesse coisas boas para o mundo.

Anos se passam e o garoto se torna um homem, Sonja faz o garoto trabalhar com Ragnvaldr em sua taverna. Lars passava a maior parte de seu tempo servindo aos viajantes, que eram muitos, que passaram por Landsby Fra,, a acabava ouvindo todas as suas histórias, fazendo assim com que conhecesse as diversas histórias dos grandes guerreiros de Winterhein.

Mesmo passando a maior parte do tempo na Taverna de Ragnvaldr, ainda arrumava tempo para treinar com uma espada que havia comprado com o pouco do dinheiro que ganhava na taverna, uma espada de lamina longa e pesada. Mesmo mal conseguindo erguer sua espada, Lars mostrava algum talento, era agressivo e Ragnvaldr percebeu o talento nado do garoto. Então começou a ensina-lo o pouco que sabia sobre espadas e como lutar usando elas. O jovem se mostrou impaciente e convencido, mas o velho dono da taverna não se recusou a passar seus poucos conhecimentos para o menino que tinha acabado de virar um homem.

Quinze verões se passaram e Lars lutando contra viajantes que passavam por Landsby Fra, aprimorou suas habilidades com a espada espantosamente, se transformando em um ótimo guerreiro. Depois da morte por velhice de Hulda, Sonja toma seu lugar como dona do Bordel, que a gerações é passado para a “melhor trabalhadora”.
Mais 5 verões se passam e Lars começa a se questionar sobre quem era seu pai, sua mãe era loira, mas ele tinha cabelos negros como a noite, e alem de ser alto e forte, seu rosto não tinha nenhuma semelhança com o de sua mãe. Depois de inúmeras vezes questionar sua mãe sobre a época que havia engravidado, conseguiu juntar algumas pistas que poderiam levar a identidade de seu pai. Então Lars começa sua viajem por Winterhein a procura de respostas de quem poderia ser seu pai.

A procura de Lars se estende por dois ciclos da lua, mas ele não acha nada nas proximidades de seu vilarejo, mas suas buscas dão um salto animador quando descobre que expedições para Valleyhein estão sendo iniciadas na cidade de Exengeaster. Com total certeza muitos homens de diversas partes de Winterhein estariam na cidade, e alem disso, as expedições poderiam trazer fama e glória, o que faria com que seu pai aparecesse um dia para saldar o famoso e glorioso filho.

Imagem:
 

________________________________________________________________________
No Corpo do Policial Militar, o sangue não corre.
Ele se desloca em ordinário marche!

O único dia fácil foi ontem.
Milícia Bandeirante


1932 - Vitória Paulista.
1964 - Vitória Brasileira.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arco

avatar

Mensagens : 2365
Data de inscrição : 05/06/2012
Criador

MensagemAssunto: Re: [MORTO] Aquiles   Sex Abr 26, 2013 4:06 am

Personagem morto no Porto de Exanceaster, durante ao assalto a mando do Corvo.

________________________________________________________________________
Fonte:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
[MORTO] Aquiles
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Mais um morto na EN125
» [UNIVERSO MARVEL US] - Tópico antigo
» [Bairro] - Itamaré
» Filho Amado- Capítulo 48.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
fabricadeherois :: FH Crônicas Nórdicas :: Controle :: Personagens-
Ir para: